9.30.2014

Sintonia.

Das perguntas que mais detesto que façam ao meu filho: Então já escolheste o nome da maninha?
A sério?! Acham mesmo que vai ser ele a escolher? NÃO! lol
Mas é certinho direitinho, a todo o lado que vamos a pergunta salta logo. Mas não, quem escolhe o nome da mana somos nós, o pai e a mãe. Assim como escolhemos o nome dele! Ele não precisa escolher o nome para se sentir mais próximo dela, mais "integrado", ou outra qualquer teoria tão na moda. O nome é uma coisa séria, que vem do entendimento de um casal, de uma sintonia. Queremos chegar a essa sintonia novamente, como foi com o nosso pequeno. 
Em breve. 

18 comentários:

  1. Marta parece-me perfeito... just saying hahahahha

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já existe na família! Boa tentativa! lol
      Beijocas às duas! <3

      Eliminar
  2. Não precisa mas até podia acontecer… por aqui, como o pai e a mãe não se chegavam à frente, a pequena adiantou-se e foi o único nome que gerou consenso lá por casa. Lá fico o Dinis e o Gil pelo caminho… e pensando melhor, ainda bem! ahahaha Bjs xx

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Adiantou-se, sugeriu portanto, é diferente. Vocês gostaram e houve consenso. Mas ele ainda é pequenino e não avança com nada "favorável" e sim com nomes de crianças da família ou muito próximas.
      Beijocas <3

      Eliminar
    2. Sim, sim, foi isso mesmo. A MI também sugeriu (e chamou durante várias semanas) Neno ao irmão… se fosse como ela queria ia ser engraçado ;)

      Eliminar
    3. Coitadinho do "Neno". lol
      Beijinhos <3

      Eliminar
  3. Eu acho essa "moda" somente... ridícula.
    O S. vai escolher o nome dos filhos mas é dos filhos deles.
    Temos que ter direito a tudo, se as crianças são nossas, somos nós que escolhemos o nome delas e não um puto pequeno que não tem noção absolutamente nenhuma da força e da (estou a pensar na João) vibração de um nome.
    As pessoas quase que me traumatizam. Lol.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exacto, concordo quando falas da força do nome, da importância. :)
      Beiijnhos <3

      Eliminar
  4. Eh eh eh
    Estou contigo!!!!
    O bom são os pais que escolhem*
    A minha cunhada deixou o meu sobrinho escolher e também não achei bem, ainda por cima um nome repetido na família...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É que é isso mesmo, nomes repetidos, não obrigada! Quando são homenagem a avós ou bisavós, vá que não vá. :)
      Beijinhos <3

      Eliminar
  5. Concordo plenamente com a tua teoria :D

    ResponderEliminar
  6. Tens toda a razão. As pessoas gostam muito de opinar sobre tudo e todos. Uma criança até pode escolher o nome do irmão SE OS PAIS assim o entenderem. Mas pessoalmente acho que devia ser sempre os pais a fazer isso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, eu sou mais apologista de serem os pais. Agora evitem é estar sempre a perguntar o mesmo à criança, perguntem a nós pais! lol

      Eliminar
  7. O mais importante é ele ficar contente porque vai ter uma irmã e não um irmão. Se eu neste momento, dissesse ao meu sobrinho que ele ia ter uma irmã, dava-lhe uma coisinha ahah

    ResponderEliminar