8.24.2012

Ponto final.

Este país não anda bom da cabeça, com certeza.
Privatizar a rtp. Terminar com a rtp2. Tirem-nos tudo, vá lá! Se eu fosse governante começava a privatizar tudo, a vender tudo. Não perdoava nada! Vendia os monumentos nacionais, os parques naturais aos lotes (Devia dar bom dinheiro!!!), cedia a orla marítima... Desfazia-me de tudo! Afinal de contas, se não conseguimos travar os gastos públicos está mais que provado: nunca vamos conseguir recuperar. Venham troikas atrás de troikas! Somos um fracasso! Ponto final! 
A sério... Não sei o que será deste país. Estamos a estragar tudo. 
Estado: S.O.S. por favor.
O´

9 comentários:

  1. Que muitos privados já aumentaram a barriga à conta de percentagens em empresas nossas, a isso já uma pessoa se habituou.. agora isto.. E a RTP para mim nem é das piores [sempre tive muita dificuldade em aceitar imprensa "do estado" por razões óbvias]... estamos a saque e quem vai pagar vai ser a nossa geração e as futuras.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Podes crer, Pec. Mas não vejas o serviço público dessa forma, é importante haver canais "do estado". Senão estaríamos apenas entregues ao poder privado. Assim, sempre temos dois pesos e duas medidas.Apenas não podemos ser ingénuos em nenhum dos casos! ;)

      Eliminar
  2. Um dia destes estamos a vender o país inteiro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acredita! Um dia vivemos num país "emprestado". :(

      Eliminar
  3. Nós estamos a deixar de ser nós...simplesmente isso.
    Tristeza!

    Um beijito, com saudades!!!!!! :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estamos aos poucos a perder a nossa identidade por causa de meia dúzia de badamecos que dizem amén a tudo! Eu não entendo! A troika vem cá e é tudo amén?!?!?!

      Obrigada pela visita! ;)

      Eliminar
  4. Respostas
    1. O mal é esse, tem havido ostentação demais ao longo dos anos. Somos os pobres a fazer vida de ricos!
      Obrigada pela visita! :)

      Eliminar
  5. O maior problema não é a privatização é se daí vai resultar alguma coisa. Porque em muitos países super-desenvolvidos há uma grande quota de privatizações mas tiram partido disso. Portugal duvido que consiga tirar proveito das privatizações que tem feito. Somos eternos bobos da corte.

    ResponderEliminar